Li

Google+ Followers

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

BALANÇO GERAL

A dança das cadeiras começou e é preciso dar a César o que é de César. E por ter sido criada numa família cristã (Protestantes e Pentecostais), nunca supervalorizamos os mortos. Cresci, ouvindo meu pai dizendo, que quando morresse, queria que seu corpo fosse jogado ao mar, pra servir de alimento aos siris e camarões. 😱😱😱 Eu e minhas irmãs quando crianças, chorávamos de soluçar. Como bom pescador aposentado, esse ainda é seu desejo! 

Mas a grande questão é, que as pessoas tem uma dificuldade enorme de expressar sentimentos, de fazer elogios, de fazer homenagens, de dar flores aos vivos! Tudo é motivo de desconfiança, pois em geral, parecem que não sabem lidar com críticas, nem as positivas e muito menos as negativas. Parece que por trás de um elogio e uma flor, há algo a se querer trocar. Quando se vive uma vida onde sentimentos são moedas de troca, então entende-se muita gente por aí. 

No entanto, quando vamos a um velório, vemos a imensa hipocrisia: a quantidade de coroas de flores, os testemunhos, as declarações ao morto que na maioria das vezes, não viveu para ouvir e ver tantas homenagens. É preciso chorar a perda, mas é preciso elogiar enquanto há fôlego de vida. Quem me conhece no dia-a-dia sabe, que declaro meu amor a minha filha umas 200 vezes por dia e aqueles que amo e quero bem, também! Provavelmente, faço isso, porque meus pais fazem isso ainda comigo e nós entre irmãs, irmão, sobrinhos, vó, netos, tias, tios... Não nessa quantidade claro, porque cada um hoje vive no seu quadrado. Mas quando nos encontramos o amor flui, com a leveza que se pede. Eu te amo, é doce em nossas bocas, em palavras e gestos.

Mas eu não vim falar de amor... Eu vim falar de política! A gestão está terminando e apesar de eu não ter votado no atual prefeito em nenhuma das vezes, não se pode negar os grandes feitos. E como professora de português, elogios e qualificações são traduzidas em notas, em versos, em quadrinhas de pão-por-Deus, em contos, em crônicas... E eu sou a aquela professora que vibra, quando tem um ou dois, as vezes 3 alunos que tiraram dez numa prova. Quando isso não acontece, sempre me culpo e fico mega triste quando não consigo arredendondar pra cima um 9,55. 

Enfim, estou com um 10, 0 com estrelinhas entalado em minha garganta a tempos! E depois da inauguração da nova biblioteca, esse grito ecoa dentro de mim!! Parabéns, sr. Prefeito, o sr acertou em cheio na escolha do seu secretário da cultura, Daia Carvalho Cultura, que por sua vez, escolheu muito bem sua equipe também!!! Visivelmente, esta pasta não marcou apenas essa gestão, mas será um marco na nossa cidade. E digo mais: está pra nascer alguém que vai fazer melhor!!!! 👑👑👑

Na Educação, eu também gostaria  que fosse 10, mas seria uma utopia? Talvez! Mas certamente é um arredondamento não merecido, a todos nós que fazemos parte desta pasta. Eu dou 9,0 com estrelas também, porque diga-se de passagem, há uma dificuldade muito maior entre administrar 100 e administrar 1000 personas? E cá entre nós, administrar artista, é tudo gente zen! Agora administrar professor, vixe! A maioria é bipolar com prescrição médica e os outros 50% estão com outras prescrições mais atenuantes ou outras menos atenuantes. Os que Não tem laudo psiquiátrico ainda (tipo eu e mais uns novatos da área), desconfio que o motivo seja porque nunca sentamos no divã, porque a hora que eu começar a falar em verso e prosa, certamente sairei com algum laudo de alguma síndrome ainda em estudo. 😂😂😂😂  Não é pra qualquer Angélica! Tem que ser Mara Maravilha! 👸👸👸

Outra pasta que eu gostei, foi a do Esportes. Nem sei quem é o secretário. Também dou nota 9,0, mas sem estrelas, porque não há divulgação, quase ninguém sabe dos grandes feitos!!! Há muita atividade realizada por essa secretaria, que a gente nem sonha que existe. Pena que eles não gostam dos holofotes: há academia de musculação, ginástica localizada, futsal, judô, karatê, etc...tudo gratuito para nós, ali no XXIV de Janeiro e no Ginásio. Abafa?! 😱😱😱

Quase me esqueci da secretaria que também merece 9,0: a do Turismo! No início da gestão, tivemos a honra da visita dos transatlânticos em nossa baía. A estruturação dos quiosques em toda orla marítima, a construção dos Piers para entrar no clima da inclusão, a transformação do famoso morro do hospício num lugar acessível a todos, o festival gastronômico, etc... Há muito o que se fazer, mas há de se convir, que a caminhada iniciou a passos largos!!! 

Quanto as outras pastas? Melhor não estragar o boletim! É assunto pra outras crônicas, pois essa é pra dar flores aos vivos!!! 

P.s.: Parabéns a todos vcs que trabalharam nessa gestão!!!👏👏👏👏👏

Lilian Flores