Li

Google+ Followers

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Por que chorar?



Para abrir os olhos, para lavar o rosto, para lavar a alma...
Chora-se de tristeza, mas chora-se de alegria também. O importante é chorar para desobstruir as artérias, para acalmar o coração, para dormir leve e acordar sorrindo.
Os que tem coração de pedra, artérias secas, choram somente diante da morte.
Eu choro por tudo! Não apenas por dor-de-cotovelo, que graças a Deus, dura 24h apenas.
Choro por ver coisas que eu não queria ver. Saber de coisas que eu não queria saber....
Mas vc pode dizer: feche os olhos, tape os ouvidos, e pronto!
 Mas é exatamente assim que vejo o que meus olhos não aguentariam ver, se estivessem abertos.

Vejo sangue inocente se derramando ao chão da igreja perseguida...
Vejo o escárnio e a zombaria como tambores e trombetas abrindo os selos que restam...
Vejo a Cruz vazia de sentidos. A cruz virou apenas adorno, tatoo, decoração, slogan, marketing, canção e não gratidão...
Vejo a falta de perdão adoecer os ossos, o coração, a pele, o cabelo, a vida...
Vejo a falta de amor esfriar a igreja, congelar a fé e sangrar a esperança...
Vejo o ódio travestido de olhares boquiabertos...
Vejo a traição de mãos dadas com a amizade, eternizada por laços de interesses mútuos...
Vejo a fé abalada por ciúmes ecumênicos...
Vejo a insegurança segurar a mentira nua e crua...
Vejo o sinismo amedrontar o medo sem nem deixar a face avermelhada...
Vejo a falsidade corroer os sorrisos amarelados de hipocrisias...
Vejo a falta de temor arrebatar vidas precocemente...
Vejo e ouço sem querer, mas sempre querendo, porque ver e ouvir, é uma dádiva. E é por isso que choro, nem tanto como deveria. Mas se eu choro assim, fico imaginando Deus...

Obrigada Deus!