Li

Google+ Followers

terça-feira, 4 de abril de 2017

Odores que me fascinam



Odores que me fascinam
🌻🌼🌸🌷🏵🌹🌱🌿🍁🍁🍁🍫🍮🍵☕⛈🌧🐰🐇🌡

O cheiro das coisas nos fazem imaginar amores possíveis, alegrias perenes, felicidades clandestinas, mundos encantados, sentimentos infinitos...
O cheiro do chocolate se derretendo, lembra a infância, a história de João e Maria -, a casinha da floresta, a agoniante espera da Páscoa... Um sonho de valsa!
O cheiro da chuva molhando a terra seca em dias ensolarados, lembra o outono -, a estação que renova a vida, refresca os sonhos, encharca os olhos insones!
O cheiro do mato mata a tristeza urbana, a indiferença animal, a insensatez insana, a loucura paradoxal...Que masturbam a terra no charco de lírios!
O cheiro do alho no óleo cozinha os pensamentos antropofágicos -, que esperam urgentemente por outros temperos, por água, por fervura... e eis o banquete sobre à mesa!
O cheiro do café acorda os sentidos adormecidos, pela noite mal dormida de sonhos açucarados e pesadelos requentados...
O cheiro das flores no jardim penetram às varandas, às janelas, os corredores, à sala de estar, às narinas... E de repente tudo está consumado!
O cheiro do perfume aguça os pensamentos profanos, em madrugadas acalentadas de silêncios e orações.
O cheiro da pele concretiza a abstração do toque, a temperatura do corpo febril, a suavidade da voz, a sutileza do olhar, a nudez da alma, a sensibilidade do espírito, a euforia do orgasmo... entre outros despertamentos proibidos.

Lilian Flores
www.contoscontidos.blogspot.com.br