Li

Google+ Followers

sábado, 15 de outubro de 2016

Eu, papeando com Deus


Quando lavo a louça, fico também lavando minha alma. Entre o detergente, a esponja, os copos, os pratos e os talheres, viro-me para o fogão e cozinho o arroz, junto com meus pensamentos enamorados. Mexo o molho, questiono Deus, hesito, choro e junto com o jantar, termino minha prece.
À mesa, jantamos, eu, Clarice e Deus! Damos às mãos, agradecemos e então, alimentamos o corpo cansado e a alma sedenta de justiça!
No banho, limpo o corpo e os sonhos profanos
. Bebo água quente e lavo a garganta ensaboada.
Durmo, acordo, madrugo de joelhos na sala vigilante e amanheço. Depois da vigília, durmo feliz, anoitecendo os sonhos sonhados por mim e por Deus.

Amém!


Lilian Flores.